Ao pensar em entretenimento, filmes, animações e uma experiência incrível, é muito provável que você associe esses termos à Disney. A companhia está entre as maiores empresas do planeta, mas isso só foi possível graças à história de Walt Disney.

Seu fundador criou uma cultura que permanece até hoje no negócio e faz a diferença na conquista dos resultados. A melhor parte é que, mesmo que a sua empresa seja de uma área totalmente diferente, você pode se inspirar em lições importantes dessa história.

Quer oferecer um excelente atendimento a seus clientes, com o padrão da Disney? Conheça 5 aprendizados essenciais!

Quem foi Walt Disney?

A história de Walt Disney, um dos nomes mais conhecidos do entretenimento e da cultura popular, começou em 1901. Ao longo de sua infância, ele demonstrou interesse por desenho e por criar o próprio mundo de fantasia.

Em 1923, isso passou a fazer parte da sua vida profissional. Foi nessa época que foi lançado o seu mais icônico personagem: o Mickey Mouse. Nos anos seguintes, Walt Disney deu vida a muitas outras histórias conhecidas em todo o mundo.

Já em 1955, ele inaugurou o primeiro parque temático, com a proposta de elaborar um lugar mágico. Desde então, a Disney se transformou em um dos maiores sucessos comerciais e de entretenimento do mundo.

5 Lições da história de Walt Disney para aplicar no atendimento ao cliente

Como você viu, a Disney é um dos principais exemplos de empresas bem-sucedidas. Em parte, isso se deve aos valores que foram impressos desde o começo da história de Walt Disney à frente do negócio e que chegam aos clientes de hoje.

Portanto, existem aprendizados que podem ser absorvidos e aplicados na hora de atender seus clientes. Veja quais são 5 dessas lições!

1. Adote uma estratégia customer-centric

Um dos pilares de uma experiência digna de Walt Disney é focar no cliente, e não apenas no aspecto comercial. Para tanto, é preciso criar uma estratégia que seja centrada no consumidor, em suas necessidades e nas expectativas que ele pode apresentar.

No caso da Disney, o foco principal não está, necessariamente, em vender ingressos para os parques ou aumentar a bilheteria dos filmes. O foco é envolver os clientes de maneira única e, como consequência, obter resultados comerciais positivos.

Além da mudança de mentalidade, é preciso conhecer bem o seu público para entregar o que ele busca e outros diferenciais. Logo, vale a pena realizar pesquisas e levantamentos com o objetivo de entender as necessidades e, a partir disso, traçar um plano focado no consumidor.

2. Padronize seus processos

Uma das principais características da Disney é o seu padrão de qualidade ao atender clientes, que se destaca do atendimento de muitas outras empresas. Esse mesmo padrão Disney também é aplicado para criar um brinquedo em um dos parques ou para lançar uma animação.

O grande benefício é que o método ajuda a oferecer consistência. Se você visitar os parques da Disney em Orlando e em Paris, provavelmente, terá uma experiência muito semelhante em ambos os locais.

Para que isso aconteça com o seu negócio, é preciso padronizar os processos. Mapeie as atividades e as relações entre elas e veja como é possível estabelecer um padrão de qualidade sobre o atendimento.

Note que o objetivo não é deixá-lo pouco flexível, porque o atendimento da Disney também é personalizado. A intenção da padronização, na verdade, é definir critérios mínimos de qualidade e pontos que devem ser contemplados em toda experiência do consumidor.

3. Foque em encantar as pessoas

Além de manter os esforços direcionados para os clientes, é essencial buscar meios de encantá-los. Afinal, esse é um componente fundamental para estabelecer uma relação emocional e duradoura com a sua marca.

Por exemplo: a experiência Disney é desenhada de tal modo que o lema de um dos parques é “O lugar mais feliz do planeta”. Para que as pessoas sintam que isso é verdade, há a preocupação em criar experiências imersivas e que surpreendam e encantem as pessoas.

No caso do seu negócio, também é possível estabelecer esses momentos com o objetivo de encantar e até conquistar novos clientes. Uma das formas de fazer isso é buscar entregar além do que as pessoas esperam. Ao oferecer um atendimento mais rápido que a média, por exemplo, há como impressionar e criar uma experiência mais positiva.

Portanto, vale a pena identificar oportunidades para implementar o fator “uau” para o seu público. Dessa forma, a percepção de marca tende a ser favorecida.

4. Conte histórias que envolvem

Uma das técnicas mais conhecidas da Disney é a capacidade de contar histórias. Parece óbvio pensar nessa questão, por conta dos filmes e das animações, mas a abordagem não se restringe às telas do cinema.

Todo tipo de contato e de atendimento ao cliente na Disney envolve, em maior ou menor grau, uma história a ser contada. As montanhas-russas dos parques, por exemplo, não são apenas atrações de adrenalina. Em vez disso, estão relacionadas às histórias conhecidas e amadas pelo público.

Seu negócio também pode usar essa habilidade — e não somente no marketing. Humanizar a comunicação pode ser uma forma de aplicar o storytelling. Ainda, vale a pena usar a abordagem para fortalecer o relacionamento com os clientes e criar oportunidades de interação e fidelização.

Nesse sentido, o marketing de conteúdo pode ser útil. Com a produção original e de qualidade, é possível construir uma narrativa para a sua empresa em todos os momentos.

5. Treine os colaboradores

Para que o padrão Disney seja colocado em prática, é essencial que os colaboradores estejam alinhados e sejam capacitados. Portanto, uma das principais lições da história de Walt Disney inclui a preparação para atender as pessoas da melhor maneira.

Isso deve ser traduzido em seu empreendimento por meio da realização de treinamentos focados no padrão desenvolvido, por exemplo. Fazer simulações de atendimento, ajudar na implementação de ferramentas de comunicação e manter processos de reciclagem dos conhecimentos estão entre os pontos relevantes.

Também é importante que os colaboradores estejam alinhados à cultura do negócio, pois isso transparece no atendimento ao cliente. Portanto, é preciso deixar claro quais são os valores, a missão e a visão da companhia — e como isso deve ser aplicado no contato com o público.

Agora que você conhece a história de Walt Disney e as 5 lições para aplicar ao seu atendimento, é possível estabelecer relações ainda melhores com seus clientes. Dessa forma, sua empresa poderá alcançar novos patamares e terá a chance de se consolidar no mercado.

Gostou de conhecer esses aprendizados? Para saber como acertar no contato com o seu público, veja como encantar seu cliente na hora de atendê-lo!