O Twitter é uma das maiores fontes produtoras de conteúdo nos dias atuais. No começo de 2019, a rede social publicou que são cerca de 126 milhões de pessoas que acessam e  postam conteúdo na plataforma diariamente.

Com suas poucas dezenas de caracteres disponíveis para se expressarem, os usuários fazem várias publicações em um mesmo dia. Seja com vários tweets explorando o mesmo assunto ou diferentes publicações sobre diversos temas, os usuários não param. Dificilmente alguma conta publica uma vez por dia.

Graças a essas características da rede, a produção e o consumo são extremamente dinâmicos. Com textos, imagens, gifs, vídeos e muitas hashtags, o volume de postagens é tão grande que, em pouco segundos, você perde alguma postagem que acabou de fazer.

Assim, percebendo a força da rede e seu grande fluxo de informações, as empresas têm, aos poucos, investido em uma ferramenta paga de divulgação de conteúdos nessa mídia social, o Twitter Ads.

Este artigo explicará o que exatamente é essa ferramenta, como ela funciona e porque você deve começar a anunciar. Boa leitura!

Twitter Ads: o que é?

Os milhões de usuários do Twitter produzem o volume de cerca de 500 milhões de tweets por dia. E você, quantos tweets publica? Cinco, dez, vinte, cinquenta; seja qual for número, se destacar dentre meio bilhão de posts é uma tarefa difícil.

Assim, como em todas as redes sociais e conteúdos, quem conhece as boas práticas de marketing de conteúdo consegue sair na frente. No entanto, ainda que exista estratégias para marketing no Twitter e conquistar seguidores de forma orgânica, o maior potencial em conseguir seguidores, certamente, está nos anúncios do Twitter Ads.

Com o Twitter Als, a plataforma de anúncios oficial da rede social, você segmenta seu público-alvo, cria a imagem e o texto do anúncio e define quanto está disposto a pagar. Há, ainda, diversas modalidades de anúncios voltadas para negócios específicos, direcionando os anúncios da sua marca aos usuários com maior potencial de fidelização como cliente.

De acordo com a empresa, a ideia da ferramenta é levar anúncios úteis aos usuários. Isto é feito a partir da análise das informações fornecidas pelos usuários ao utilizarem a rede social.

Como funciona

Primordialmente, são os interesses dos usuários que indicam para quem as suas campanhas serão direcionadas. A ferramenta estuda dados como palavras-chave e interações com perfis similares para a segmentação da sua audiência.

Ao usar o Twitter, todas as ações dos usuários servem como informação para as estratégias da ferramenta de anúncio da rede. Essa é, entretanto, apenas uma das formas pelas quais é possível personalizar anúncios para cada usuário. Outra forma de segmentar a divulgação do conteúdo é por meio da localização do usuário.

Tipos de anúncio

Primeiramente, os três tipo de anúncios disponíveis são:

  • Anúncio de tweets: Nesta modalidade, um tweet regular pode aparecer na timeline de diversas pessoas que não o seguem. O potencial de alcance do conteúdo é grande, visto que podem ser retweetados por todas as pessoas que receberam a publicidade;
  • Anúncio de contas: Nesta opção, sua conta aparece nas sugestões de “Quem seguir” para um grupo segmentado de usuários, selecionado pelo estudo de interesses da ferramenta.
  • Anúncio de trends: Nessa alternativa, você pode promover uma hashtag – a grande estrela da rede social – ao topo da lista. Ao clicar no seu “trend promovido”, a primeira coisa que verá é o tweet da sua marca, seguido de outros resultados de pesquisa sobre o tópico.

Tipos de campanhas

Além dos anúncios, a plataforma oferece o serviço de divulgação de campanhas. Estas são definidas por seus objetivos finais e se dividem em três:

  • Campanhas de seguidores: Neste tipo, você impulsiona o seu perfil e, durante o período da campanha, paga por cada novo seguidor. Outras interações, como o engajamento a partir de retweets, por exemplo, são gratuitos.

A ideia dessa modalidade é o crescimento rápido do número de seguidores. Posteriormente, no entanto, é importante trabalhar o engajamento deles, de modo a criar um relacionamento e a fidelização de um cliente.

  • Campanhas de engajamento: Já nestas campanhas, a ideia é promover tweets para buscar novas interações com a marca. Aqui, portanto, você paga pelos primeiros retweets, curtidas e menções de cada usuário.

Isto é, seu investimento é no engajamento inicial dos seguidores com o seu perfil. Além disso, a simples visualização não é cobrada, assim como o engajamento posterior ao inicial.

  • Campanhas de cliques: Nestas campanhas, seus tweets são promovidos a usuários que talvez se interessem pelo conteúdo do seu site. Assim, você recebe por cada clique dado no link do tweet promovido.

Uma vez que o objetivo é atrair os usuários para o seu site, o conteúdo e a visualidade devem ser interessantes. A finalidade dessa campanha é atrair tráfego para o seu blog.

Agora que você já sabe as principais formas de anúncios e a quais casos eles são mais adequados, vem outro questionamento essencial.

Quanto custa anunciar no Twitter?

De acordo com a própria ferramenta, as campanhas do Twitter Ads podem ser personalizadas de acordo com o orçamento de cada marca. Dessa forma, não é estabelecido um valor mínimo para investimento.

Ao se cadastrar na plataforma e iniciar uma campanha, você estabelece os serviços que quer receber e quanto está disposto a pagar por eles, de modo que, quando aprovado, você controla todos os gastos das suas campanhas.

Por que anunciar no Twitter Ads?

Por fim, agora que você sabe o propósito do Twitter Ads e como ele funciona, entenda alguns motivos que fazem do investimento na ferramenta um negócio tão vantajoso.

Pagamento após o resultado

Uma das grandes vantagens do Twitter Ads – e perfeito para quem se apavora com fatores de riscos – é o pagamento posterior ao resultado da estratégia. Seja nos anúncios por cliques ou nas campanhas por seguidores, você só paga, de fato, após o investimento apresentar retorno.

Assim, hipoteticamente, caso sua campanha por engajamento não gere resultados, você não paga nada! E quem arca com os riscos? O próprio Twitter, em troca de uma boa experiência para anunciantes e usuários.

Faixa-etária economicamente ativa

Segundo estudos, de 37% dos usuários diários do Twitter tem entre 18 e 29 anos, enquanto os usuários entre 30 e 49 anos são 25% dos usuários fiéis da rede social. Assim, 62% de quem utiliza a rede social está em faixas etárias economicamente ativas.

Precisamos vender para quem pode comprar, certo? Por isso, o Twitter é uma ótima plataforma para anunciar seu conteúdo, embora ainda seja inexplorada pela maioria dos empresários.

O Brasil é o segundo maior mercado

Atrás apenas dos Estados Unidos, os brasileiros são o povo em maior número no Twitter, seguidos, então, pelo Japão. Em meio a Facebook e Instagram, você imaginava a força dessa rede no Brasil?

Desse modo, o investimento no Twitter, cujos usuários brasileiro crescem cada vez mais, em número e engajamento, é muito importante no empreendedorismo. A presença dos brasileiros em uma plataforma deve sempre ser parâmetro para qualquer estratégia de marketing; e no Twitter eles estão em peso.

Já utilizou o Twitter Ads ou apenas o Facebooks e o Google para fazer anúncios? Conte para nós nos comentários!