Em geral, quem é dono do próprio negócio precisa se envolver em atividades muito diversas. Além de realizar algumas tarefas relativas ao produto ou serviço que oferece, ainda existem as obrigações administrativas, financeiras etc.

Com isso, o trabalho se acumula e pode ficar muito difícil se organizar de maneira eficiente. Às vezes, faltam horas no dia para concluir tantas demandas. Então, vale a pena pegar dicas sobre gestão do tempo para empreendedores, certo? Confira 8 ações que lhe ajudarão!

1. Mapeie o uso do seu tempo

Como você usa o tempo atualmente? Quais são os pontos fortes e fracos na gestão das suas horas de trabalho? Responder a tais perguntas é importante na hora de pensar como mudar para melhor.

Afinal, é preciso saber o que deve ser modificado, certo? Por isso, nossa primeira dica de gestão do tempo para empreendedores é fazer uma espécie de diagnóstico da sua rotina atual.

Procure entender quais são os seus maiores obstáculos. Verifique qual é a divisão de trabalho que você faz atualmente e que atividades têm sido deixadas de lado por falta de tempo. Entender os aspectos cotidianos será essencial para se planejar.

2. Planeje-se

A próxima orientação é o planejamento propriamente dito. Ou seja, é o momento de pegar as observações que você fez sobre o uso do seu tempo como empreendedor e planejar as mudanças necessárias.

Ao registrar os detalhes do trabalho já é possível perceber alguns obstáculos importantes e levantar estratégias para melhorar.

Imagine que um empreendedor identifique determinadas horas do dia em que é mais difícil se concentrar. Isso pode acontecer porque nesses momentos há um aumento das distrações ou ele é mais procurado por funcionários e clientes.

Considerando a realidade percebida, uma forma de se planejar melhor é colocando as tarefas complexas para os turnos mais tranquilos. Assim, ele fica livre para as demandas que surgem no horário de maior movimento.

3. Encontre os melhores métodos para você

Não há uma fórmula ideal de gerir o tempo que funciona para todos os empreendedores.  Isto é, cada um precisa refletir sobre as especificidades do seu dia a dia para pensar em uma gestão personalizada.

Logo, mais uma dica que damos é pesquisar vários métodos para ser capaz de encontrar os que melhor se adéquam ao planejamento que você busca. Além disso, lembre-se de que também é viável adaptar algumas orientações para as suas especificidades.

Um grande exemplo de adaptação dos métodos é em relação aos horários de trabalho. Algumas pessoas alcançam maior produtividade acordando mais cedo, enquanto outras preferem estender a carga horária até a noite.

4. Tenha recursos de organização

Seja qual forem as estratégias escolhidas para gestão do tempo de empreendedores, é muito útil ter alguns recursos que auxiliem na organização. Tenha em mente que a rotina de empresário exige muito da sua memória. Então, vale a pena buscar ferramentas de suporte.

Um calendário ajuda a registrar eventos importantes e se lembrar deles ao longo da semana ou do mês. Já uma agenda pode ser essencial para coordenar suas atividades, anotando cada etapa delas junto ao seu respectivo prazo.

Além de calendários e agendas físicos, existem diversos aplicativos que podem fazer muita diferença na vida do empreendedor. Uma boa dica é testar vários deles e identificar aqueles que são úteis para o seu caso.

5. Guie-se por prioridades

Ter uma lista de tarefas é um dos passos iniciais da organização do tempo. Afinal, fica muito difícil gerir bem os seus horários se você não tem um controle eficiente do que precisa ser feito nas próximas horas ou dias.

Ao montar a lista, é importante se guiar pelas atividades prioritárias. Desse modo, o empreendedor sabe exatamente em que demandas ele deve se dedicar mais. Sem isso, há o risco de investir tempo em tarefas sem tanta importância — como checar e-mails.

Não esqueça que o seu trabalho na empresa é estratégico. Portanto, atividades simples para o negócio podem ser automatizadas, repassadas para outras pessoas ou até mesmo adiadas na sua agenda. Mantenha seu foco nas prioridades para alavancar o negócio.

6. Utilize ferramentas tecnológicas

Além dos aplicativos de calendário ou agenda, existem outras ferramentas tecnológicas que podem ser utilizadas na gestão de tempo para empreendedores.

Uma das alternativas é baixar aplicativos especializados na administração do tempo. Quem utiliza a técnica pomodoro para organizar seus ciclos de trabalho, por exemplo, pode ter um app para se guiar mais facilmente.

Além disso, a tecnologia pode lhe ajudar diminuindo suas demandas. Você já pensou em automatizar algumas atividades com o uso de softwares de gestão? O mercado apresenta soluções interessantes para demandas administrativas, logísticas e financeiras das empresas.

7. Não trabalhe sozinho

Para vários empreendedores pode ser difícil estabelecer parcerias e delegar tarefas. Afinal, muitas vezes eles se acostumam a dar conta das atividades sozinhos e acreditam que são os únicos capazes de terminá-las com eficiência.

O problema de pensar assim é que você pode estar trazendo mais problemas para sua gestão de tempo. O ideal é centralizar em suas mãos apenas as decisões que são realmente estratégicas para o negócio. Assim, sobra mais tempo e energia para elas.

Enquanto isso, delegue para seus parceiros e colaboradores outras atividades. Por exemplo, contratando uma equipe para planejamento do marketing você tem mais tempo livre para analisar os resultados das campanhas e tomar decisões a partir deles.

8. Descanse

Pode parecer contraditório ser orientado a descansar em um texto sobre gestão do tempo para empreendedores, mas não há nada de estranho nisso. Na verdade, ter momentos específicos para relaxar é indispensável.

Não se iluda: quando você não descansa o suficiente, seu corpo e mente sentem a pressão e podem passar a funcionar de maneira mais lenta. Algumas vezes acontecem coisas piores, como o adoecimento — então, será preciso parar de qualquer maneira.

A produtividade não significa estar sempre alerta e trabalhar constantemente. Pelo contrário, tirar férias, descansar nos finais de semana e dormir bem são alguns cuidados que lhe ajudam a se manter produtivo e gerar bons resultados no dia a dia.

Chegamos ao fim das nossas 8 dicas de gestão do tempo para empreendedores. Sem dúvida, colocá-las em prática permitirá que você encontre melhores estratégias para lidar com o seu tempo. Faça isso e veja como é possível aproveitar seu dia com maior produtividade.

Quer continuar crescendo como dono do próprio negócio? Confira 9 livros que todo empreendedor precisa ler!