A transformação digital tem mudando a maneira como uma organização opera e entrega valor para seus clientes. Isso é possível graças à integração de tecnologias em todas as áreas da empresa.

Hoje, é certo afirmar que a transformação digital é imprescindível para quaisquer negócios, desde os pequenos até os corporativos. Adotá-la significa abandonar antigos processos em favor de práticas relativamente novas (algumas das quais ainda estão sendo definidas).

Por isso, para muitas empresas, a transformação digital se trata de uma verdadeira mudança.

Como o assunto tem sido amplamente discutido, fizemos um artigo especial para ajudá-lo a entender mais sobre o tema e a adotar a transformação digital na sua organização. Acompanhe!

O que é transformação digital?

De acordo com The Agile Elephant, a transformação digital “envolve uma mudança de liderança, pensamento diferente, incentivo à inovação e novos modelos de negócios, incorporando a digitalização de ativos e um aumento do uso da tecnologia para melhorar a experiência dos funcionários, clientes, fornecedores, parceiros e partes interessadas da sua organização”.

Este conceito descrito no site The Agile Elephant mostra algo importante sobre a transformação digital. Embora ela precise da tecnologia, essa mesma tecnologia é apenas um meio. Logo, se falamos em mudança de liderança ou incentivo à inovação, estamos nos referindo a uma mudança muitas vezes de cultura.

Por isso, engana-se quem pensa que transformação digital é assunto apenas para a área de tecnologia da informação (TI) das empresas. A TI será importante para estruturar a tecnologia, mas sem o apoio e atuação da gestão, os esforços para a transformação digital serão em vão.

Outro ponto importante extraído do conceito do The Agile Elephant é o fato de que transformação digital não se trata apenas em fornecer aos clientes as melhores experiências. Mas também melhorar a experiência dos funcionários, fornecedores, parceiros e outros stakeholders da organização.

Qual o impacto da transformação digital na sociedade?

A tecnologia mudou a forma como compramos, assim como alterou significativamente aspectos de utilidade pública. Câmeras de segurança nas ruas de algumas cidades e  drones que fazem mapeamentos de terrenos são alguns exemplos.

Na área da educação e treinamento já existe a possibilidade de utilizar tecnologias como realidade aumentada e realidade virtual para facilitar o aprendizado e torná-lo uma experiência imersiva. Hospitais podem contar com robôs para auxiliar médicos em alguns procedimentos.

Esses são apenas alguns exemplos do impacto da tecnologia em nossas vidas, mas precisamos entender também que um dos desafios da transformação digital no que tange à sociedade – e que impacta diretamente as empresas – tem a ver com a forma com que pessoas consomem a informação.

É inegável que o volume de informação aumentou nos últimos anos. Se por um lado o acesso à informação também ficou facilitado, por outro pessoas passaram a perceber que reter a atenção começou a ser cada vez mais difícil.

Para as empresas, o fato de que a informação em tempos de transformação digital não conhece fronteiras, mostra ainda mais a importância de adequar a organização a esta nova realidade.

Como adequar sua empresa?

Embora a transformação digital nas empresas varie amplamente com base nos desafios e demandas de cada organização, existem alguns temas comuns  que todos os líderes de negócios devem considerar ao iniciar a transformação digital.

A seguir elencamos algumas dicas:

Tenha uma estratégia

Implementar tecnologias na organização sem considerar como elas se encaixam no cenário geral pode criar mais desafios do que benefícios. Para evitar que isso aconteça, a transformação digital nas empresas deve começar com um objetivo.

A partir desse objetivo deve ser desenvolvida uma estratégia de transformação digital para apoiar no alcance das metas. Essa estratégia deve ser sempre revista e adequada conforme necessário.

Adeque a cultura da empresa

A transformação digital exige um esforço multifuncional em toda a organização. Como tal, líderes e funcionários precisam estar envolvidos.

Organizações cuja cultura é mais centralizada nos líderes e não apoiam a participação de seus colaboradores, podem encontrar problemas nos esforços de se adequar para a transformação.

Isso porque líderes que implementam uma nova tecnologia sem envolver as pessoas que usam a solução diariamente, correm o risco de investir em uma ferramenta que não atende às necessidades da empresa.

Conheça seu cliente

Na era do Big Data – termo muito associado à transformação digital – os dados tornaram-se o novo petróleo. Empresas começaram a maximizar a utilização de informações em CRMs e sites, e a explorar a mídia social para entender o que seus clientes querem (e o que os deixa insatisfeitos).

Além disso, as organizações estão criando novas comunidades online para aconselhar e criar lealdade com seus clientes.

Personalize seu conteúdo

Devido à combinação de métricas e interatividade, a tecnologia tornou possível rastrear as ações e o comportamento dos consumidores em um nível individual e, em seguida, coletar esses dados para fornecer uma mensagem de marketing personalizada.

Com as métricas de plataformas de mídia social é possível rastrear os interesses de clientes individuais, fazer recomendações e até enviar e-mails personalizados com base no comportamento do consumidor.

Por exemplo, um vídeo no YouTube, Facebook ou Instagram pode dar ótimas informações sobre quantas pessoas assistiram ao conteúdo. Para avaliar a eficácia do vídeo – ou de qualquer conteúdo – pode-se analisar quantas pessoas clicaram em um link “call-to-action” e foram direcionadas para uma outra página.

Já que é cada vez mais difícil reter a atenção do cliente, uma das maneiras mais eficazes pelas quais a transformação digital mudou a forma como consumidores consomem a informação é pela personalização da mensagem. É somente por meio de bons conteúdos que o seu cliente conseguirá reter a atenção seja no vídeo, no texto ou no áudio.

Quando tratamos de personalizar conteúdos, nos referimos à criação de mensagens que façam sentido para o seu consumidor, levando em consideração a etapa do funil de vendas em que ele se encontra.

Estratégias de marketing de conteúdo, portanto, quando elaboradas visando um objetivo, são ótimas ações adotadas por empresas que estão dentro da transformação digital e buscam um posicionamento online sólido.

Caso a sua organização precise de uma ajuda na produção de conteúdo de qualidade e especializado para potencializar as estratégias digitais do negócio, entre em contato conosco e saiba como podemos ajudá-lo!