Os empreendedores introvertidos tem muita chance de serem bem sucedidos e podem acrescentar muito no ramo do empreendedorismo.

Muitos acreditam que para uma pessoa ser bem sucedida, ela precisa ser extrovertida e estar sempre em contato com diversos indivíduos.  Isso não é verdade. Inclusive, nomes como J.K Rowling, Bill Gates, Warren Buffett e Mark Zuckerberg são exemplos de introvertidos que obtiveram o sucesso que desejavam.

Você quer empreender ou empreende mas acha que sua introversão é um problema? Pelo contrário, ela pode lhe ajudar muito, é só saber como se beneficiar dessa sua personalidade! Confira no artigo 5 dicas que podem ajudar empreendedores introvertidos a terem o sucesso que desejam!

1. Não confunda timidez com introversão

Antes de tudo, é preciso saber diferenciar timidez de introversão. Isso porque é possível ser os dois ou ter apenas uma dessas características.

O tímido é aquele que tem medo do julgamento de terceiros. Em casos de timidez mais severas, o individuo pode ate ter medo de ficar em publico, precisando de ajuda profissional para tratá-la. A timidez pode ser trabalhada e vencida.

Por outro lado, a introversão está ligada a uma maneira de reagir a estímulos. Os introvertidos costumam ser mais produtivos em ambientes mais calmos, com menos barulho, ou seja, locais quietos e com poucas pessoas ao redor.

Logo, primeiro identifique se o seu caso é introversão ou timidez. Ambas são completamente diferentes e assim, os conselhos também seriam.

2. Entenda que você não precisa aparecer

Outra característica de alguns empreendedores é de querer aparecer, mostrar sua imagem e estar sempre presente em eventos e congressos sobre o assunto ou nicho que atua.

Nao aparecer não lhe torna um mal empreendedor. Entenda isso. Ficar sem holofotes pode ser muito vantajoso. Assim, você pode fazer o que gostaria e testar suas ideias sem se preocupar com o que os outros irão achar.

3.  Atente-se ao que você escuta

Os introvertidos têm a capacidade de escutar mais do que falar, bem como observar mais antes de tomar alguma ação ou fazer um julgamento. Jamais deixe essa habilidade de lado e se possível, aprimore-a.

Tenha cuidado para não começar a fazer o que muitos extrovertidos fazem, que é ouvir menos e falar mais.

4. Respeite sua forma de trabalhar

Empreendedores introvertidos podem se sentir mais à vontade e produtivos em ambientes calmos e com poucas pessoas. Você se sente melhor nesses tipos de lugares? Então, comece a produzir mais neles!

Respeite sua forma de trabalhar e encontre seu local ideal.  Na prática, pode acontecer de sócios não gostarem do seu jeito e querer que você se adapte a um ambiente que seja mais cheio ou com barulho.

Saiba se respeitar e continue firme na sua posição, pois não adianta aceitar certas condições se a sua personalidade não se harmoniza com o ambiente.

5. Tenha momentos para si

Por fim, é bom ter momentos para si para relaxar e pensar em novas maneiras de aprimorar seu trabalho. Utilize uma parte do seu tempo para trabalhar o ócio criativo, pois boas ideias podem surgir desses momentos.

Há diversos exemplos de empreendedores introvertidos que conseguiram sucesso. Muitos deles tiveram êxito por justamente respeitar essa característica e utilizá-la a seu favor. Por isso, não acredite que você tenha que se tornar mais extrovertido para conseguir o que almeja! Basta ser você e confiar nas suas habilidades!

Gostou das dicas? Confira agora o que é um oceano azul e como fazer a sua empresa navegar em um!