Você tem uma empresa, startup ou fintech e tem pensado em encontrar investidores? Entender que há riscos por buscar investimentos muito cedo para um negócio é essencial para evitar prejuízos e frustrações.

Todo empreendedor sabe das vantagens de contar com investidores e investimentos para fazer sua empresa crescer. Entretanto, às vezes é melhor esperar e deixar a companhia ter um pouco mais de tempo de vida antes de procurar por investimentos para impulsionar o crescimento dela.

Confira agora 5 riscos que o empreendedor corre ao buscar investimentos cedo demais para a seu empreendimento!

1. Sofrer com intervenções dos investidores no negócio

Se a sua organização, seja ela uma startup, fintech ou de outro modelo, está em um estágio inicial e deseja procurar investidores para captar recursos, correrá o risco de a maioria não aceitar a proposta.

É possível encontrar investidores que aceitam aplicar em empreendimentos muito iniciantes. Contudo, nada é tão simples quanto parece.

Por exemplo, uma startup, quanto mais inicial for o projeto, maior a chance do investidor querer participação ou pedir metas agressivas, o que normalmente não seria pedido para negócios mais consolidados.

Caso as metas não sejam cumpridas, poderá haver conflitos entre as partes e desmotivar tanto o empreendedor quanto o investidor.

2. Aumentar o endividamento

Por outro lado, se for pedir empréstimos em bancos para fazer melhorias ou aumentar a empresa, deverá ter muita cautela. E você, como empreendedor, precisa saber o momento ideal de pedir esse auxílio das instituições financeiras.

Se a sua companhia está no início e ainda não tem uma boa reputação, o banco pode entender que ele corre riscos altos se emprestar dinheiro ao seu negócio. Nesse caso, poderá pedir juros altíssimos que podem não valer a pena o empréstimo.

E dependendo da situação, o empreendedor pode se encontrar em uma posição desprivilegiada, não tendo forças para tentar negociar.

Dessa forma, poderá ser mais indicado fazer sua organização crescer de forma mais natural e orgânica em um primeiro momento, mesmo que de maneira mais lenta. Além disso, lembre-se de que, se não tiver uma boa performance nesse início, poderá se endividar com o empréstimo feito.

3. Atrair investidores menos experientes

Investidores experientes que aportam capital em startups, por exemplo, geralmente procuram aquelas que comprovem algum histórico de sucesso e boas chances de escalabilidade. Mesmo que não seja uma ideia totalmente consolidada.

Investidores menos preparados podem não analisar esses fatores. Dessa forma, ambos poderão se frustrar e se prejudicar.

Além de investidores pouco experientes, caso você não entenda como funciona a relação entre empreendedor e investidores, poderá encontrar alguns que não são confiáveis, podendo colocar seu negócio em risco.

4. Não cumprir o que prometeu

Não é raro encontrar empreendedores iniciantes que já entram em contato com investidores ou instituições financeiras para conseguir recursos para suas ideias antes mesmo de validá-las.

De modo geral, ter capital para pôr em prática algum projeto que ainda não tem os passos definidos pode fazer você não entregar o que prometeu.

Entenda como essencial a validação da ideia para saber se o consumidor estaria disposto a pagar pelo que quer construir. Caso contrário, poderá perder dinheiro, tempo e usar o capital do investimento de forma indevida. Planejamento é essencial.

5. Se frustrar antes do tempo

Por fim, esse não é exatamente um risco, mas pode prejudicar a confiança do empresário. Pode ser muito difícil encontrar algum investidor ou instituição financeira que libere dinheiro para negócios ou ideias prematuras.

Alguns podem acabar se frustrando e abandonando a ideia. Entenda que o risco de não encontrar investidores pode ocorrer em qualquer fase do empreendimento, mesmo que ele tenha anos de mercado.

Dessa forma, o importante é não desistir, ser consistente na sua ideia e fazê-la funcionar com seus recursos próprios até conseguir chegar em um momento ideal para procurar por investimentos!

Alguns riscos por buscar investimentos cedo podem ser evitados para que a companhia não caia em ciladas. Em certas ocasiões, é necessário ter cautela e esperar. Enquanto isso, utilize os recursos possíveis e alcançáveis para fazê-la crescer com saúde e demonstrar confiança para o mercado!

Gostou do artigo? Veja agora como manter as contas em ordem na empresa!